terça-feira, 27 de agosto de 2013

Roubos e furtos de veículos aumentam 35% na Capital | O POVO

O relato na rede social tem só seis linhas. “Venho pedir ajuda a vocês porque acabei de ser assaltado à mão armada. Levaram meu veículo. Qualquer notícia, por favor, entre em contato”, diz Carlos Elpídio no trecho indignado de um clamor tão curto quanto rotineiro em Fortaleza.

Dicas

1. Quando não tiver como deixar o veículo num estacionamento fechado, procure ruas que não sejam ermas ou mau iluminadas. Prefira parar onde há vigias.


2. Ao deixar o veículo, retire tudo. Até uma sacola vazia pode despertar a curiosidade dos bandidos. Se não tiver como levar os pertences, coloque-os no porta-malas. Isso vale também para documentos.

3. Planeje sua rota caso vá circular por regiões desconhecidas. Você pode acabar passando por um local típico de roubos e ser vítima de um.

4. Em semáforos, pare a uma boa distância do carro da frente e da faixa de pedestres. Em caso de um ataque, você terá margem de segurança para arrancar.

5. Utilize dispositivos de segurança visíveis e modernos, como bloqueadores, rastreadores, localizadores, correntes, chaves interruptoras e trancas de direção.

6. Antes de entrar na garagem, repare em possíveis movimentações suspeitas. Se notar algo estranho, afaste-se e acione a Polícia.

 Serviço

Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC)
Onde: avenida Godofredo Maciel, Maraponga (vizinho ao Detran)
Telefone: (85) 3101 2489


Roubos e furtos de veículos aumentam 35% na Capital | O POVO

Nenhum comentário:

Postar um comentário