sábado, 21 de setembro de 2013

Concurso abre 1.028 vagas para a Prefeitura de Fortaleza

Diário do Nordeste

Além de agentes para a Guarda Municipal, há vagas para profissionais da Defesa Civil e da Segurança Institucional

Começam na próxima quarta-feira (25) e seguem até o dia 14 de outubro, as inscrições no concurso que vai selecionar agentes para a Guarda Municipal, Defesa Civil e Segurança Institucional. Serão ofertadas 1.028 vagas, e os aprovados vão incorporar o efetivo no início de 2014. O anúncio foi feito pelo prefeito Roberto Cláudio durante coletiva realizada ontem.

As inscrições começam na próxima terça-feira, dia 24, e seguem até o mês de outubro. O valor do salário é de R$ 1.923,27 FOTO: KID JÚNIOR

Do total, mil vagas são para a Guarda Municipal, dentre as quais, 800 são destinadas a homens e 200 a mulheres, com salário de R$ 1.652,62. Para a Defesa Civil, haverá 18 vagas com salários de R$ 1.923,07 e dez vagas para agentes de Segurança Institucional com remuneração de R$ 1.808,94. Para os dois últimos cargos, 5% das vagas é destinada a portadores de deficiências. A jornada para todos os cargos é de 180 horas mensal.

Ao anunciar o lançamento do edital, Roberto Cláudio explicou que não foi necessário recorrer à lei para criar ou preencher os cargos, pois estes já estavam ausentes desde a administração anterior. Segundo o gestor municipal, para este concurso são esperados cerca de 50 mil inscritos. O prefeito adiantou, ainda, que a partir do próximo ano, a Guarda Municipal vai reforçar a segurança nas escolas e terá 40 veículos a mais em sua frota.

O atual quadro de Fortaleza conta com 646 guardas, 108 agentes de Defesa Civil e nove agentes de Segurança Institucional, lotados em praças, escolas, e repartições públicas. Com a incorporação dos novos candidatos, o número do efetivo total será de 1.168 guardas municipais, 92 agentes de Defesa Civil e 21 da Segurança Institucional.

Inscrição

As inscrições serão realizadas pela internet, quando será gerado boleto de R$ 80. Os candidatos desempregados, os que receberem até dois salários mínimos e os doadores de sangue estão isentos de pagar a taxa.

O concurso é dividido em três etapas. Na primeira fase, haverá duas provas, uma sobre conhecimentos gerais e outra sobre conhecimentos específicos. A segunda etapa terá o exame médico e toxicológico. Já na terceira e última fase, haverá o curso de formação, avaliação psicológica e investigação social para os três cargos oferecidos.

A avaliação física só será exigida para os candidatos interessados em ingressar na Guarda Municipal. Os aprovados passarão por um curso com mais 400 horas e deverão se formar até o mês de abril do próximo ano.

Quem pretende conseguir uma das 200 vagas destinadas às mulheres na Guarda Municipal é a representante comercial Rejane Calu, 41. Ela conta que estuda há mais de dois meses, cerca de três horas por noite. Esta é a primeira vez que Rejane tenta um concurso público, mas disse estar tranquila.

Após o curso de formação, segundo o titular da Secretaria Municipal de Segurança Cidadã, Francisco Veras, a quantidade de guardas tem possibilidade de ser ampliada, mas é algo que deve ser analisado. "Nós vamos avaliar após a nomeação e a posse desses novos guardas. Depois da formação, quando eles já estiverem trabalhando, vamos fazer um diagnóstico para saber se há a real necessidade de se aumentar o número do efetivo", disse.

Mais informações

As inscrições no concurso podem ser feitas no site www.uece.br/cev, a partir de quarta-feira, dia 25

Nenhum comentário:

Postar um comentário