quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Explosão de ônibus na Índia mata 44 pessoas

Agência Brasil*
Brasília - A explosão de um ônibus na Índia deixou ao menos 44 pessoas mortas na manhã de hoje (30). De acordo com as autoridades locais, o ônibus particular fazia o percurso de Bangalore a Hyderabad, na província de Andhra Pradesh, no Sudeste do país. Os corpos das vítimas foram carbonizados e ainda não foram identificados. Testemunhas no local informaram que veículo foi completamente queimado em menos de dez minutos.

"O tanque de diesel entrou em combustão. Antes que os passageiros pudessem se dar conta do que havia acontecido, o fogo tomou conta do ônibus", disseram alguns moradores da vila próxima ao acidente.
De acordo com a polícia, sete pessoas escaparam com vida do acidente, incluindo o motorista e um funcionário de limpeza. Os outros passageiros estavam dormindo quando houve a explosão. No total, havia 51 no interior do veículo. Acredita-se que a maioria das vítimas seguia para as cidades de origem com o objetivo de participar de um festival hindu no início de novembro.


Segundo a administração da Volvo na Índia, fabricante do ônibus, a empresa aguarda o resultado das investigações das autoridades. O chefe de Marketing da Volvo, Sohanjeet Randhawa, informou que a empresa estuda o ocorrido envolvendo o veículo da marca.

"Nossa equipe já chegou ao local do acidente e ainda estamos no processo de coleta de informações relevantes", disse Randhawa. Sobre o acidente ter sido causado por algum tipo de falha no ônibus, o representante da Volvo explicou que as investigações vão fornecer informações sobre todas as possíveis causas do acidente, inclusive as condições da estrada, entre outros fatores.

Representantes da Jabbar Travels, empresa de serviços rodoviários proprietária do ônibus, informaram que o veículo partiu da agência, em Bangalore, pela manhã, antes de buscar os passageiros em diferentes pontos da cidade.
*Com informações da agência de notícias da China, Xinhua

Nenhum comentário:

Postar um comentário