quinta-feira, 22 de maio de 2014

[Coluna Economia e Mercado] HP anuncia intenção de despedir mais 11 a 16 mil funcionários

HP anuncia intenção de despedir mais 11 a 16 mil funcionários
A HP, que tem mais de 250 mil funcionários globalmente, planejava originalmente cortar 34 mil empregos como parte de sua revisão corporativa. Nesta quinta-feira, estimou de 11 mil a 16 mil cortes adicionais, espalhados em diferentes países e áreas de negócios.O motivo é a queda queda de 1 por cento nas receitas trimestrais, enquanto enfrenta dificuldades para manter as margens. (Exame.com)
Pagamento da correção da poupança
As ações do Banco do Brasil cariam mais de 7% com a decisão do STJ sobre o julgamento dos planos econômicos. A decisão também causa impacto outros bancos. Para se ter uma ideia os recursos que devem ser pagos caso a desição seja confirmada pelo STF supera o valor patrimonial do Banco do Brasil,Itaú Unibanco, Santander e Caixa Econômica juntos.
Desoneração da folha de pagamento
Os 36 empresários do Fórum Nacional da Indústria que estiveram reunidos com a presidenta Dilma Rousseff e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, hoje (22), saíram do Palácio do Planalto com a promessa de que até a semana que vem terão uma resposta sobre a proposta de desoneração permanente da folha de pagamento.Atualmente, 56 setores de comércio e serviços são contemplados com medidas de desoneração da folha. A medida é para trazer estímulo ao crescimento da indústria.( Agência Brasil)
Perda de Competitividade Mundial
A menor eficiência das empresas fez o Brasil cair no ranking mundial de competitividade pelo quarto ano seguido. De acordo com Índice de Competitividade Mundial, o país ficou em 54º lugar entre 60 países analisados em 2014. Em relação ao ano passado, o Brasil recuou três lugares.(Agência Brasil)
Cenário de Pessimismo
A intenção de consumo das famílias brasileiras atingiu em maio deste ano o pior índice da série histórica iniciada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), em 2011. A constatação está na pesquisa sobre a Intenção de Consumo das Famílias (ICF), de maio, divulgada hoje (22) pela CNC. O levantamento mantém a tendência de queda que vem sendo registrada desde o início do ano, com recuo de 2,3% (para 122,4 pontos) em relação a abril, passando a uma queda de 4,2% sobre maio do ano passado.(Agência Brasil)

Nenhum comentário:

Postar um comentário