segunda-feira, 21 de julho de 2014

[Coluna Economia e Mercado] Colegas tagarelas são os que mais atrapalham no trabalho




O tema de hoje da coluna é dedicado a todos que se sentem incomodados com colegas que as vezes falam demais. Segundo o Portal G1 uma pesquisa feita pela consultoria Lee Hecht Harrison apontou que profissionais que conversam muito durante o trabalho são o maior incômodo para os colegas dentro da empresa.
No estudo feito com cerca de 850 trabalhadores norte-americanos em abril deste ano onde foi utilizada votação on-line perguntou: "O que você acha mais incômodo ou mais te distrai no trabalho?" No primeiro lugar ficou a opção: colegas de trabalho que falam demais, com 45%.
Em seguida aparecem: e-mails (18%), odores (9%), chamadas telefônicas (8%), barulho ambiente (6%), design do escritório (5%), nada (5%) e tecnologia (4%).
Em uma reportagem que assisti ontem em um jornal da televisão, onde a reporte entrevistou o pessoal na rua a opção referente aos colegas tagarelas também foi a campeã seguida por colegas que falam no telefone.
"Conversas no corredor ou breves paradas pelo escritório para um bate-papo podem render enormes benefícios em termos de colaboração, geração de novas ideias, criando confiança e aumentando a produtividade. No entanto, muita conversa também pode ser uma distração, como a nossa pesquisa constatou", afirma Jim Greenway, vice-presidente executivo de marketing e vendas de eficácia da Lee Hecht Harrison.
Greenway também ensina que cada um deve saber se comportar no trabalho e saber quando suas atitudes estão irritando outros colegas.
O vice-presidente chama atenção também para os sinais que as outras pessoas emitem para dizer a você que sua conversa não está agradando "Se a pessoa com que o trabalhador estiver falando estiver batendo os dedos com impaciência, olhando para o relógio ou tiver um olhar angustiado, é o momento de ajustar o comportamento e encerrar a conversa imediatamente". Vale a pena ficar atento se você não quiser perder o colega.

Nenhum comentário:

Postar um comentário