sábado, 20 de dezembro de 2014

Cine-teatro São Luiz será reinaugurado nesta segunda-feira (22)

 Secult traz de volta o luxo do cinema

Cine Sao Luis
Imagens site  do Governo do Ceará

Tudo pronto para a reinauguração de um dos mais simbólicos e afetivos patrimônios do povo cearense. O São Luiz, equipamento da Secretaria da Cultura do Governo do Estado, volta à cena na próxima segunda-feira, 22/12, às 19h, como cine-teatro, com uma programação especial que inclui apresentação de cantores líricos interpretando temas natalinos e a Orquestra Eleazar de Carvalho executando peças de Alberto Nepomuceno, além da exibição do filme “Anastácia, a Princesa Esquecida”, de Anatole Litvak – o mesmo filme exibido na noite de inauguração do São Luiz, em 26 de março de 1958.


Os ingressos para a noite de reinauguração serão distribuídos gratuitamente, a partir das 9h da manhã da segunda-feira, 22/12, na bilheteria do próprio São Luiz, que retorna com uma nova configuração, de cine-teatro, após investimento de R$ 15,2 milhões pelo Governo do Estado, nas obras de restauração e recuperação. Um ingresso por pessoa.

A noite de reabertura do São Luiz também contará com a presença de convidados especiais: cearenses que vivenciaram a inauguração do cinema, no final da década de 50, época em que a imponência e o luxo do cinema se faziam acompanhar pela exigência de paletó.
 
Erguido no local onde funcionara o Cine Polytheama, o São Luiz teve suas obras iniciadas em 1938, quando da demolição do cinema anterior, conforme descreve, no livro “A Tela Prateada”, o pesquisador e especialista na história do cinema no Ceará Ary Bezerra Leite. A inauguração do São Luiz, porém, só seria realizada 20 anos depois, graças aos efeitos da Segunda Guerra Mundial e, segundo o pesquisador, também a causas “nunca claramente explicadas”, em contraste com a intensa expectativa popular pelo novo cinema. O prédio em obras na Praça do Ferreira alimentava a ansiedade pelo início das atividades do São Luiz.
 
Com informações da Assessoria de Comunicação da Secult

Nenhum comentário:

Postar um comentário