quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Prefeitura realiza palestra em alusão ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

Evento ocorreu nesta quarta-feira (03/12), no Romanos Hotéis, com palestra do perito médico previdenciário do INSS, Miguel Abut

Evento teve como objetivo desconstruir a visão convencional sobre a deficiência (Foto: Thiago Gaspar)
A Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado promoveram, nesta quarta-feira (03/12), a palestra  “Compreendendo a Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde”, ministrada por Miguel Abut, perito médico previdenciário do INSS. O palestrante debateu o modelo
biopsicossocial da deficiência em suas dimensões sociopolíticas para gestores públicos, profissionais, especialistas, militantes e entidades que trabalham no campo da deficiência, com o objetivo de incentivar uma mudança paradigmática na conceituação de deficiência e, também, estimular a equiparação de oportunidades na sociedade.
A palestra ocorreu em alusão ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, data comemorativa internacional promovida pelas Nações Unidas desde 1998 no dia 03 de dezembro, e fez parte parte do I Encontro Estadual dos Interlocutores Municipais das Políticas Públicas para os Idosos e as Pessoas com Deficiência, do Governo do Estado. O evento, que ocorreu no Romanos Hotéis, teve como objetivo desconstruir a visão convencional sobre a deficiência, muitas vezes, associada à doença, degeneração, desvio, incapacidade ou invalidez.
Para a titular da Coordenadoria de Pessoas com Deficiência (Copedef) da Prefeitura, Ana Beatriz Praxedes, este é um importante momento de transição para as políticas públicas para as pessoas com deficiência. “É uma nova visão dos conceitos, aplicada à relação da pessoa com deficiência com o ambiente”, afirmou.
Já a Coordenadora Especial de Políticas Públicas para os Idosos e as Pessoas com Deficiência do Governo, Isabel Pontes, acredita que este é um rito de passagem. “Foram oito anos de trabalho, desde que aceitamos esse desafio de implementar as políticas públicas para estes dois segmentos. Conseguimos envolver os 184 municípios e construímos um marco zero no aprimoramento destas políticas”, disse. Ao todo, 162 técnicos estão reunidos desde ontem, discutindo e apontando os novos rumos das políticas públicas para pessoas com deficiência.
Fonte: Site da Prefeitura

Nenhum comentário:

Postar um comentário