domingo, 4 de janeiro de 2015

Policia Civil do Ceará é acusada de racismo

(São Paulo) 03/01/2015- Em entrevista ao jornal Folha de São Paulo Valdicéia França, de 63 anos, mãe de  Miriam França de Mello, de 31 anos investigada pela morte da  turista italiana Gaia Molinari, de 29 anos disse que a Policia Civil do Estado do Ceará esta tendo uma atitude de racismo para com
sua filha somente porque ela é negra. Negando esta hipótese uma assessora de imprensa da policia civil do estado respondeu ao portal R7 "Poderia ser preta, branca, amarela, pobre ou rica. Ela vai ficar presa do mesmo jeito".

Com informações do Portal R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário