segunda-feira, 27 de abril de 2015

Operação Fidúcia usou pessoas simples como laranjas

Image-1-Artigo-1841858-1
A quadrilha tinha até um avião
Operação Fidúcia

Na Operação Fidúcia que investiga desvio de recursos da Caixa Econômica feitos através  de empréstimos a empresas fictícias foram usados nomes de pessoas simples como "laranjas".

Essas pessoas muitas vezes foram enganadas por patrões , conhecidos ou até não sabiam de nada. Foram abertas empresas no ramo de construção que tinham alta movimentação financeira , saldos bancários altos e até negócios de importação e exportações.


São pessoas com rendas baixas foram citadas nas investigações como empresários que movimentaram milhões. Na maioria são diaristas, pedreiros , tapioqueiras  ou  mecânicos que foram enganados por pessoas inescrupulosas. 

Todos os 13 'laranjas' apontados pela Polícia Federal estão em liberdade. A participação e o conhecimento deles da prática dos crimes ainda estão sendo investigados pela PF.

Na última sexta-feira (24), o Ministério Público Federal (MPF) ofereceu denúncia contra quatro homens, apontados pela Polícia Federal como os principais articuladores do esquema.
No esquema estão envolvidos 3 empresários e um  ex-gerente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal (CEF)e há um que esta foragido.

Com informações do Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário