quarta-feira, 29 de abril de 2015

Sobe para 15 número de mortes causadas por temporal em Salvador


 

Agência Brasil

O corpo da última pessoa que estava desaparecida devido a deslizamentos de terra em Salvador foi retirado dos escombros na tarde de hoje (28), elevando para 15 o número de mortes em decorrência das chuvas na capital baiana. Com a localização da vítima, as equipes de resgate encerraram as buscas, informou a Polícia Militar.

O deslizamento de terra ocorreu na Avenida San Martin, onde as equipes de resgate já tinham retirados os corpos de dez pessoas. Em outro deslizamento, no bairro Bom Juá, quatro pessoas morreram.
Cerca de 80 bombeiros participavam da operação de resgate, que durou mais de 30 horas. As vítimas foram soterradas em uma série de deslizamentos após o temporal que atingiu Salvador na segunda-feira (27). A chuva forte provocou estragos e alagou algumas das principais ruas e avenidas da cidade. Só ontem, a Defesa Civil da capital baiana registrou 316 ocorrências.
Nesta terça-feira, o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, anunciou que equipes do Exército vão ajudar na retirada de moradores das áreas afetadas pela chuva. O ministro visitou a capital baiana e sobrevoou os principais pontos atingidos.
Segundo levantamento da prefeitura, foram detectadas pelo menos dez áreas críticas. As famílias que residem nesses locais deverão ser removidas porque há risco de desabamentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário