domingo, 14 de junho de 2015

Ceará não resiste à pressão do Bahia e perde em Salvador/BA

O atacante Kieza deu muito trabalho à defesa do Alvinegro, que não resistiu à pressão baiana
(Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia)

O gol do Bahia saiu no início da etapa final, com Maxi Biancucchi

Jogando fora de casa, o time do Ceará Sporting Club sofreu mais uma derrota neste Campeonato Brasileiro Série B 2015. Desta vez, jogando em Salvador/BA, o time alvinegro perdeu para o Bahia por 1 x 0 e segue na luta para deixar as últimas posições da tabela da competição.

O jogo começou com o Vozão pressionando. Com dois minutos, Vinícius fez jogada e cruzou com perigo, mas ninguém conseguiu finalizar. Na sequência, Fernandinho pegou rebote da defesa e chutou de primeira, mas a bola saiu pela linha de fundo. O Bahia respondeu em jogada de Robson, de cabeça, porém, a bola saiu. Aos 15 minutos, Ricardinho chutou de fora da área, mas o goleiro Douglas Pires salvou.
O goleiro Tiago trabalhou bem aos 22 minutos, quando Kieza tabelou com Rômulo e chutou rasteiro, obrigando o camisa 1 do Vozão a salvar com o pé direito. Ricardinho e Roger Gaúcho ainda tentaram em chutes de fora da área, mas o goleiro adversário esteve bem na etapa inicial.

A grande chance do Mais Querido aconteceu aos 36 minutos, quando Roger Gaúcho fez grande jogada e ajeitou para Vinícius, que finalizou colocado, no entanto, Douglas Pires cresceu no lance e salvou os baianos. A resposta veio aos 38 minutos, quando Titi recebeu na área e cabeceou forte, mandando por cima do gol de Tiago. Depois disso, os dois times não criaram muitas chances e o placar do primeiro tempo seguiu sem gols.

Na etapa final, o Bahia começou pressionando. Logo no primeiro minuto, o goleiro Tiago soltou a bola nos pés de Kieza, que chutou forte e a bola só não entrou por conta do zagueiro Charles, que conseguiu afastar em cima da linha. Na sequência, Léo Gamalho e Tiago Real criaram novas chances, mas desperdiçaram.

Aos 14 minutos, a defesa alvinegra não evitou o gol dos baianos. Maxi Biancucchi se posicionou bem e apareceu livre na área para aproveitar cruzamento e fazer 1 x 0 na Arena Fonte Nova. O atacante adversário seguiu dando muito trabalho e quase ampliou aos 24 minutos, após bela jogada no ataque. O camisa 7 ainda chutou por cobertura, mas Tiago fez a defesa em dois tempos.

O técnico Silas mudou o time para buscar o empate. Buiú saiu para a entrada de Roniery e Ricardo Conceição deu lugar ao meia Wescley. As alterações deram mais movimentação ofensiva, mas com poucas chances de finalização. Na última mudança, Silas mandou Rodrigo Silva na vaga de Vinícius e o atacante trabalhou bem. Aos 37 minutos, o centro-avante ajeitou para Ricardinho, que dominou e mandou pela linha de fundo. Na sequência, Marinho fez jogada individual e chutou colocado, mas Douglas Pires defendeu.

Atleta com mais movimentação no ataque, Marinho criou boa chance aos 40 minutos, mas o chute de fora da área saiu pela linha de fundo. Um minuto depois, Rodrigo Silva ajeitou para Baraka, que finalizou com força, mas foi travado. Na última oportunidade de empatar, já nos acréscimos, Marinho arriscou de fora da área e mandou por cima, com perigo. Depois disso, os atletas só ouviram o apito final do árbitro, que decretou mais uma derrota do Alvinegro neste Brasileirão Série B.

A derrota deixou o Vovô com os mesmos quatro pontos na tabela, ocupando a 19ª posição. Agora, o time do Vovô vai retornar à capital cearense neste domingo, 14/06, e vai se reapresentar na próxima segunda-feira, 15/06, quando o time inicia os preparativos para o compromisso diante do Santa Cruz, em partida que vai acontecer na Arena Castelão, no próximo fim de semana, pela 8ª rodada da competição.

Fonte: Ceará SC

Nenhum comentário:

Postar um comentário