quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Autoridades e empresários pedem manutenção de recursos destinados ao Sistema S


 Lápis, Apontador, Notebook, Papel

Autoridades públicas e do setor empresarial criticaram ontem (23) os cortes anunciados pelo governo federal de 30% dos recursos atualmente destinados ao Sistema S.

Durante a abertura do 2º Encontro Autonomia para a Pessoa com Deficiência, na sede da Federação de Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), o presidente da entidade, Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira,
disse que, com os cortes, mais de 1 milhão de pessoas serão prejudicadas no estado.

"Podemos tirar a única possibilidade de esperança dessa gente. Os cursos do Senai e do Sesi aqui no Rio são mais baratos que os cursos que o governo federal faz, e 92% dos nossos alunos reconhecem o bom curso e estão empregados", disse Vieira.
 
Fonte: Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário