sábado, 7 de maio de 2016

Governo quer tributação sobre herança para compensar reajuste na tabela do IR


 


Brasília- O governo para compensar o menor  reajuste da tabela do imposto de renda (5%)  enviou um projeto para taxar pessoas que recebem heranças acima de 5 milhões de reais e as doações acima de 1 milhão de reais.


Sobre as heranças, a incidência do IR passa a ser acima de R$ 5 milhões e doações acima de R$ 1 milhão. Para heranças acima de R$ 5 milhões, o recolhimento de IR será de 15% sobre o que exceder os R$ 5 milhões. Acima de R$ 10 milhões, o IR será de 20% e acima de R$ 20 milhões a incidência é de 25%. 

No caso das doações, 15% de IR sobre o que passar de R$ 1 milhão, 20% sobre o que exceder R$ 2 milhões e 25% sobre o que ultrapassar R$ 3 milhões. A previsão de arrecadação é de R$ 1,06 bilhão com heranças e R$ 494 milhões com as doações.

Os países mais desenvolvidos têm tributação sobre herança e doações. Para ministro da Fazenda, Nelson Barbosa,os países mais desenvolvidos têm tributação sobre herança e doações. Para ele, as novas medidas são uma forma de se fazer justiça tributária e de boas práticas para gerar igualdade na sociedade.

Com Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário