sábado, 3 de setembro de 2016

Após duas derrotas seguidas, Edimar garante que elenco do Fortaleza não vai deixar escapar acesso e fala em jogo do ano diante do Salgueiro


Em 14 rodadas disputadas na Série C, o Fortaleza sempre esteve entre os primeiros colocados do grupo A. Porém, após o revés na última jornada diante do ABC, o Leão da Pici caiu três posições ocupando o quinto lugar.

Com duas derrotas consecutivas e a saída do G-4, o sinal de alerta foi ligado no Fortaleza. O cenário não é dramático. Restando quatro rodadas para o término da primeira fase, o time comandado por Marquinhos Santos está distante apenas um ponto do líder Remo. Na opinião do zagueiro Edimar não existe mais espaço para tropeços. “As equipes tem se igualado nas últimas rodadas. Existe um equilíbrio grande e cada um no seu objetivo, seja para entrar no G-4 ou sair do Z-2. A competição afunilou e não podemos mais relaxar. As últimas derrotas não estavam programadas e precisamos correr atrás do prejuízo para fazermos os pontos necessários visando a classificação. Não vamos abrir mão da nossa tão sonhada vaga”, garantiu o camisa 4 do tricolor.

No próximo sábado, às 16h, o Fortaleza volta a campo diante do Salgueiro no estádio Castelão. Eficiente em casa nesta Série C, Edimar projeta decisões nesta reta final da primeira fase. “Nenhum time vai vir na nossa casa tirar o nosso sonho. Vamos nos impor. Projeto uma guerra para esse jogo contra o Salgueiro, é o jogo mais importante do ano. Apesar de ser uma competição de ponto corrido, acredito que essas últimas quatro rodadas temos que encarar as partidas como se fossem mata-mata. Serão quatro finais. Teremos confrontos diretos nessa rodada e fazendo nosso dever voltaremos ao G-4”, analisou o defensor.

O Fortaleza nas últimas temporadas tem batido na trave para conquistar o acesso à Série B. Por isso, na opinião de Edimar, chegou o momento de o time engatar uma sequência de vitórias para chegar com moral no mata-mata. “Não adianta classificar em primeiro e depois cair no mata-mata. Acho que agora é o momento certo de ganhar os jogos e chegar com confiança na fase eliminatória. A maior causa do ano no clube é o acesso e não podemos deixar escapar. Queremos colocar o Fortaleza onde merece, que é entre os 40 principais times do Brasil”, concluiu.
 
Fonte: AV Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário