domingo, 30 de outubro de 2016

Traficante construiu motel em presídio


 Algemas, Prisão, Crime, Penal, Justiça


Aparecida de Goiânia- Outubro 2016- Um preso por tráfico de drogas gasta R$ 200 mil para a construção de 112 quitinetes para visita intima dentro de um presidio de  Goiás. Um presidiário conhecido por "Tiago Topete" construiu com recursos "próprios" quitinetes para serem usadas em visitas intima pelos presos do presidio e esperava faturar até R$ 120 mil mensais com o aluguel destes imóveis. 

Durante investigações de auditoria foi descoberto os "imóveis" que tiveram , para sua construção , a anuência do ex-diretor da penitenciaria que segundo as investigações teria recebido R$ 70 mil de propina para fazer vistas grossas para o "empreendimento". O diretor foi preso na Operação Livramento  que investiga vários crimes relativo a facções criminosas que atuam naquele estado.O ex diretor já esta em liberdade.

Com Sobral 24 horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário