domingo, 11 de dezembro de 2016

Ex-governador Sérgio Cabral é transferido de Bangu para Curitiba pela PF

Esse pessoal não se ajeita. O promotor André Guilherme Freitas expediu ofício sobre o excesso de visitas  que Sergio Cabral esta recebendo na cadeia.  O réu teve visitas de amigos e familiares em desconformidade com a Resolução SEAP nº584, de 23 de outubro de 2016. O promotor destaca que apenas uma pessoa amiga poderia ter sido credenciada para visitá-lo, e apenas após a satisfação de formalidades listadas na resolução.

Conforme noticiado pela Agência Brasil o réu teve visitas de amigos e familiares em desconformidade com a Resolução SEAP nº584, de 23 de outubro de 2016. Agora pergunto para que tanta visita? Os "negócios" do ex-governador devem estar de vento em popa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário