sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Querem assassinar a engenharia?

Por Pedro Paulo Morales

Canteiro De Obras

Não quero imitar ninguém e muito menos causar polêmica mas o artigo Nota de falecimento: a engenharia brasileira está morta de Mauro Santayana publicado pela Rede Brasil Atual e replicado pelo Clube de Engenharia do Rio de Janeiro mostra que as Construtoras estão sendo dizimadas injustamente e sugere que toda investigação da Lava Jato é para desestabilizar a engenharia do pais.

Para mim é um exagero o artigo. Concordo que empresas estão sendo fechadas e empregos e obras estão desaparecendo mas deixar que a propina se instale no ramo e chegue a ser normal é demais!

Vamos estatizar as grandes empreiteiras , saneá-las e  vende-las novamente.

Poupar corrupto em nome de soberania nacional não pode servir de justificativa para perdoar empresas como a Odebrech que pelo que vimos "propinou" vários políticos pelo mundo afora!  

Por favor  não matem  a engenharia que ela não tem nada a ver com isso! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário