sábado, 25 de fevereiro de 2017

Polícia Civil desarticula grupo criminoso de Santa Catarina que tentava se estabelecer no Ceará


A ação realizada nessa quinta-feira (23), por policiais civis da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), resultou na desarticulação de um grupo criminoso de Santa Catarina (SC) que tentava se estabelecer no Ceará. Quatro catarinenses foram capturados e 70 quilos de maconha e um caminhão foram apreendidos. O carregamento de drogas tinha como finalidade abastecer a venda dos entorpecentes no período carnavalesco.
Conforme a delegada Patrícia Bezerra, diretora da DCTD, os quatro presos tentavam estabelecer uma rota de tráfico que fazia a conexão de Santa Catarina com o Ceará. As investigações em torno do grupo iniciaram acerca de um mês. Na ação de ontem foram capturados Jonata Silveira Mafra (29), o "Alemão"; Paulo Diego das Neves (29), Paulo Henrique Julio (30), o "PH", e Robson Silva Vasconcelos (44). 
 "Apuramos que inicialmente veio o Paulo Henrique para o Ceará, ele veio fazer uma espécie de estudo de mercado. Quando se estruturou em Aquiraz, ele passou a fazer contato com o restante do grupo, que veio para nosso Estado", afirmou a delegada. Ainda segundo Patrícia, o bando utilizou uma carreta tipo frigorífico scania, para transportar a droga entre um carregamento de peixes congelados.

As abordagens da especializada foram realizadas em residências situadas nos bairros Chácara da Prainha e Centro em Aquiraz, na Área Integrada de Segurança 09 (AIS 09), além de um galpão nas proximidades do quarto anel viário em Caucaia (AIS 07), onde o caminhão foi encontrado.

No total, foram apreendidos 70 quilos de maconha, duas balanças, três bolsas, um bloqueador de sinal, documentos de locação de um depósito e uma identidade falsa utilizada por Jonata, aparelhos celulares, além de três veículos utilizados pelo grupo - sendo um classic de placas OII 8488, um siena de placas NUZ9792 e um caminhão scania de placas IPP 0176. 

O fato que chamou a atenção dos policiais foi que na residência onde Paulo Henrique morava, na Rua Dedezinho Sampaio, em Aquiraz, um aviso "Não trocamos mercadoria" fixado na parede de um dos cômodos revelou que a droga era comercializada ali mesmo.

 

O grupo e todo o material apreendido foi encaminhado para a sede da DCTD, onde Paulo Henrique e Jonata Silveira foram autuados em flagrante por tráfico e associação para o tráfico de drogas. Além de Jonata também ter sido indiciado por uso de documento falso e resistência. Já Paulo Diego das Neves e Robson Silva Vasconcelos foram indiciados por associação ao tráfico de drogas. As investigações sobre o grupo prosseguem. 
Fonte: SSPDS 

Nenhum comentário:

Postar um comentário