domingo, 25 de março de 2018

Biointegral Saúde dá o caminho das pedras para fugir dos medicamentos

 
Enfatizando a importância dos tratamentos alopáticos em situações específicas, a Biointegral Saúde trabalha para descobrir as reais causas de dores e doenças crônicas para aumentar a capacidade regeneradora do próprio organismo e, assim, fugir dos medicamentos desnecessários, que cuidam apenas dos sintomas.

Imagine uma vida livre de medicamentos. Seria maravilhoso, certo? Para a Biointegral Saúde, clínica especializada em Microfisioterapia, isso é totalmente possível. “Centenas de pacientes com
problemas graves como síndrome do pânico, fobias, alergias de causas inexplicáveis, crises de enxaqueca, ansiedade, falta de sono, problemas de relacionamentos, baixa autoestima, entre muitos outros, já conseguiram eliminar os medicamentos da sua rotina, trocando tudo pela Microfisioterapia”, explica Fresia Sa, fisioterapeuta da Biointegral Saúde. Ela e Sergio Bastos Jr atendem centenas de pessoas todos os meses que trocaram uma vida de medicamentos pelos tratamentos que descobrem as causas emocionais de dores e doenças crônicas ou recorrentes, ajudando o próprio organismo a operar a cura.

Sergio explica: “com a Microfisioterapia, é possível eliminar crenças limitantes e criar novas diretrizes, para uma vida mais saudável e feliz. Os pacientes dormem melhor, se alimentam melhor, tem melhores relacionamentos, seja na família, no trabalho ou amorosos, passam a se conhecer melhor, já que entendem a origem de sofrimentos que pareciam não ter porquês”.

Ele e Fresia lembram que buscar as causas primeiras de dores e doenças é algo relativamente novo: “claro que não podemos negar a importância dos medicamentos. Em situações de crise, eles que aliviam os sintomas e permitem que a pessoa tenha uma vida minimamente normal. Entretanto, chegamos a um ponto em que se medicar ultrapassou as barreiras da necessidade. E por que não encontrar aquilo que realmente começou o problema e eliminar a necessidade de medicação?”, lembram os especialistas.

Entender as causas de um problema é metade do caminho para a cura. A mente e o corpo se encarregam de colocar, aos poucos, tudo no lugar. Mas esse autoconhecimento, esse entendimento de situações das quais muitas vezes nem lembramos, pode ser verdadeiramente libertador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário